Quem está por trás dos maiores eventos de MG?

Ederson Clayton, conhecido no mercado como Popo, tem 23 anos de carreira na área da cultura e do entretenimento e hoje é responsável pela produção artística e executiva dos mais importantes shows e festivais do Estado

Ederson Clayton com os seus parceiros Zé Neto & Cristiano. Foto: acervo pessoal

Por Heberton Lopes | Grupo Balo

Quem participa de grandes shows e festivais sabe que existe um verdadeiro exército de pessoas empenhadas para fazer tudo acontecer. São centenas de funções, desde a portaria, passando pela limpeza, segurança, alimentação, montagem, técnica e, claro, a produção executiva e artística. O que poucas pessoas sabem é que em Belo Horizonte há um profissional que é referência nacional e cuida da produção geral dos palcos dos maiores shows e festivais de Minas Gerais. O nome dele é Ederson Clayton, conhecido no mercado como Popo, que está à frente da empresa Horta Produções e Eventos, com várias iniciativas renomadas no currículo, como, Festeja, Samba Prime, Glacial Fest, Festival Brasil Sertanejo e vários inúmeros shows dos mais variados estilos.

A carreira de Ederson Clayton no mercado do entretenimento começou no ano de 1997 na função de produtor executivo e empresário do grupo de pagode Carisma, que, apesar de ser uma banda regional, fez bastante sucesso na época e tocou em várias partes do país e agitou os principais eventos de Minas Gerais. “Considero como o pontapé inicial da minha trajetória na área de eventos e uma grande vitória, pois comparado com as facilidades de hoje, era muito difícil uma banda regional fazer sucesso”, pontua.

Já no final dos anos de 1990 e chegando à virada do milênio, Popo enxergou a oportunidade de ampliar a sua atuação e começou a produzir os próprios eventos em casas noturnas de Minas Gerais. Nomes estourados naquela época foram produzidos pelo profissional, como, Karametade e Os Travessos. A escalada para o sucesso era árdua, mas contínua e rápida, com grandes oportunidades. “O primeiro grande evento que participei foi o Pagode Brasil, que contou com uma grade de shows com os maiores nomes do samba e pagode do país. A partir daí fui conhecendo outros produtores de eventos e comecei a trabalhar na produção executiva e na produção artística”, conta.

O produtor Ederson Clayton foi ficando cada vez mais conhecido no mercado e os organizadores de eventos de Minas Gerais passaram a demandar cada vez mais trabalhos. “No começo de 2002 eu comecei a fazer a produção de vários eventos e as populares festas de rodeio, que reuniam milhares de pessoas e artistas de diversos segmentos”, explica o profissional.

A expertise na venda de shows veio de sua experiência como empresário do Grupo Carisma. Os aprendizados serviram para que ele pudesse ampliar o seu leque de atuação e, com isso, passou a negociar apresentações de centenas de nomes da música brasileira. Se os artistas fossem listados aqui, seria uma infinidade de páginas, mas alguns dos shows vendidos e produzidos atualmente merecem destaque, como, Sorriso Maroto, Zé Neto & Cristiano, Marília Mendonça, Maiara & Maraísa, Sérgio Reis, Gusttavo Lima, Felipe Araújo, Mumuzinho, Molejo, Fundo de Quintal, Léo Santana, Harmonia do Samba, Anitta, Ludmilla, Kevinho, Nego do Borel, Jota Quest, Biquini Cavadão e muitos outros.

Com 23 anos de carreira e à frente da Horta Produções e Eventos, Ederson Clayton trilhou uma estrada permeada de sucessos, experiências e amizades. “Quando olho para trás e vejo tudo o que passou sinto um grande orgulho. Quem trabalha com eventos sabe que não é uma área fácil, temos que lidar com várias situações que estão fora do nosso controle, incertezas e outras coisas. Mas o que me motiva é o resultado final, é o artista no palco, o evento bem produzido e o público feliz”, destaca o produtor, que hoje é responsável pela produção de vários eventos, como, Festeja Belo Horizonte, Festeja Juiz de Fora, Festival Brasil Sertanejo, Samba Prime, Baile da Santinha, Festival Gospel, Réveillon Iate, Último Samba do Ano e muitos outros. Para se ter uma ideia, no último balanço realizado por Popo, em toda a sua trajetória foram produzidos quase 600 eventos e vendidos mais de 300 shows. Nas redes sociais da Horta Produções (@hortaproducoes) é possível ter uma amostra do carinho que os artistas têm por Ederson Clayton e por sua empresa, que são, com certeza, parceiros estratégicos para alavancar o sucesso de vários cantores e bandas de todo o país em Minas Gerais.

CLIENTES

© 2018 Grupo Balo